Pele com acne: como prevenir a acne e cuidar desse tipo de pele



06 de outubro de 2020


Existem tratamentos muito eficazes para a acne, alguns dos quais podem ser feitos em casa. Esse problema afeta aproximadamente 90% dos adolescentes e metade dos adultos no Brasil e não precisa afetar você! Com cuidados e produtos específicos, você pode ter uma pele mais bonita, uniforme e saudável. Saiba mais e veja dicas para prevenir a acne e tratar a pele.


O que é a acne?

Acne é uma doença de pele atribuída ao aumento da produção de secreções das glândulas sebáceas, bem como ao bloqueio de poros e disseminação local de bactérias. A doença afeta ambos os sexos e tem predisposição genética. Devido ao aumento da produção de hormônios sexuais, pode se desenvolver em qualquer idade, principalmente na puberdade. Na verdade, as alterações hormonais (como as que ocorrem durante a gravidez ou as da síndrome dos ovários policísticos) também podem afetar o aparecimento da acne.

Entre outros fatores, pode ser agravado pelo uso de corticosteroides, estresse ou exposição excessiva à luz solar. Na área facial, a acne é muito comum na área da testa, nariz, queixo, têmporas e contorno dos lábios. No corpo, as partes mais afetadas são o tórax, pescoço, tórax, costas, ombros, braços e pernas.

 

Tipos de acne e como ela surge
Os tipos mais comuns de acne são grau I e grau II. Estes podem ser tratados por especialistas em cosmética em casa com cosméticos ou produtos de limpeza da pele, sem esquecer que devemos consultar sempre um dermatologista, que indicará o melhor tratamento. A característica da acne grau I é que ela não é tão inflamatória quanto a acne e os cravos pretos. O grau II é a forma inflamatória da doença, como pústulas e pápulas.

A acne começa quando os folículos são bloqueados (onde crescem os pêlos do corpo ou da face), o que evita que o sebo passe pela pele. Isso geralmente acontece quando as glândulas sebáceas produzem grandes quantidades de sebo associado a células mortas da pele. A combinação desses dois fatores eventualmente forma um bloqueio no folículo, também chamado de acne.

Desta forma, é criado um ambiente favorável para a reprodução das bactérias. Eles invadem os folículos e se alimentam de gordura sebácea, se reproduzem e causam infecção na área. A partir disso, temos uma espinha, composta pelo comedão e uma bolsa de pus ao redor.


Cuidados com uma pele acneica
Se sua pele é propensa a acne, o primeiro passo é ir a um dermatologista para tratar espinhas inflamadas e cistos persistentes. Se necessário, profissionais da área farão exames físicos e laboratoriais para que você possa evitar cicatrizes, danos à pele e tratar a acne da melhor maneira.

Afinal, formular rotinas de cuidados com a pele também é muito importante para os pacientes com acne, afinal prevenir problemas é mais fácil do que resolvê-los posteriormente. Portanto, para desenvolver hábitos diários de limpeza, certifique-se de usar o demaquilante adequado ao seu tipo de pele. Além disso, você pode esfoliar uma ou duas vezes por semana, e não se esqueça de hidratar. Além disso, invista em filtros solares que cubram o fosco.

Ao escolher um produto para a pele com tendência a acne, escolha uma opção seca e procure por substâncias ativas anti-acne. Por exemplo, o poderoso ácido lactobiônico constitui nossos produtos e possui efeitos antioxidantes e hidratantes, tornando sua pele mais uniforme e bonita. Outro ingrediente anti-acne importante é o ácido salicílico, que promove esfoliação leve e reduz o processo inflamatório.

Trate sua pele

Além da limpeza de pele realizada por especialistas em beleza e acompanhamento por dermatologistas, também é muito importante complementar o tratamento da acne em casa. Para isso, você precisa criar um hábito de cuidar da pele para ajudá-lo a combater a acne. Como mencionado anteriormente, o ácido pode ser um grande aliado e seu principal papel é promover a renovação celular por meio da remoção das células mortas.

Ao limpar a pele, use produtos específicos para peles com tendência acneica. Eles ajudam a controlar a sensação de oleosidade, que é um dos grandes vilões necessários para tratar essa doença em pessoas com tais efeitos antissépticos e de pele. O sabonete para pacientes com acne também pode ajudar a reduzir o brilho da pele e torná-la mais saudável.

Além disso, use produtos com capacidade de secagem e reparo. Eles ajudam a controlar o número de lesões, suavizar marcas faciais e reduzir o processo inflamatório que causa a acne

Mais Postagens

    Aguarde, buscando...